Percursos pedestres Vista da Igreja de UL | Rota do Moleiro | Parque Temático Molinológico de Oliveira de Azeméis
sábado, 27 maio 2017 11:16

Percursos pedestres

Classifique este item
(0 votos)

Oliveira de Azeméis possui um conjunto de trilhos e caminhos pedestres onde o visitante poderá conhecer um pouco do seu património natural e arquitetónico.

Em Vilarinho de São Luís existe o PR1 "Percurso dos Espigueiros", mas quando a equipa do "Ondas da Serra" visitou o mesmo ele necessitava de manutenção. Veja aqui as reportagens de vídeo que foram efetuadas com a presidente da associação local e da parte do percurso que se encontra em bom estado. Ver Reportagens.

 

  
 

Rota do Rey (PR 3 - OAZ, Associação Figueiredo de Rey)

Sendo um belo passeio pela história, a Rota do Rey localiza-se no lugar de Figueiredo, na freguesia de Pinheiro da Bemposta, chamando à atenção para o património histórico edificado que remonta à data do Foral de Figueiredo e Bemposta. A inauguração desta rota inseriu-se nas comemorações dos 500 anos desse mesmo foral, que foi atribuído pelo Rei D. Manuel I.

Inicia-se no Largo de S. Luís e desenvolve-se ao longo de 8,27km, terminando no mesmo local. Com a duração de cerca de duas horas, este percurso possui um nível de dificuldade médio.

A Rota do Rey é um de dois percursos pedestres do projeto “Passos com História” da Associação Figueiredo de Rey.

GPS: 40º47’31.27”N | 8º29’39.48”W

 

 

Rota do Rio (PR 04 - OAZ, Associação Figueiredo de Rey)

Sendo um passeio beira rio, esta rota localiza-se no lugar de Figueiredo, na freguesia de Pinheiro da Bemposta com passagem pelo rio Antuã. A Rota do Rio é uma pequena rota de cerca de 3km que junta os aromas das plantas aromáticas ao prazer de caminhar. A Rota do Rio é um de dois percursos pedestres do projeto “Passos com História” da Associação Figueiredo de Rey.

GPS: 40º47’31.27”N | 8º29’39.48”W

 

 

Rota do Moleiro (Associação do Parque Temático Molinológico)

Venha descobrir o Parque Temático Molinológico! A Rota do Moleiro é uma Pequena Rota que une os 4 núcleos constituintes deste parque, para que possa descobrir cada recanto deste espaço idílico. Desde tempos imemoriais que os moleiros percorreram as margens dos rios Ul e Antuã, carregando cereais e farinha nos seus animais de carga – os burros. Esta rota pretende levar-nos ao passado, redescobrindo a atividade moleira, aliando-a ao contacto com a natureza.

O percurso tem um grau de dificuldade baixo e está equipado com várias zonas de descanso e de lazer. Tem o seu início no Núcleo da Ponte da Igreja e termina na Igreja Matriz de Ul.

GPS: 40º48'52.51"N 8º29'48.77"W

 

 

Roteiro Literário Ferreira de Castro (Junta de Freguesia de Ossela)

Pretendendo sobretudo promover os recursos culturais, paisagísticos e artísticos de Ossela e contribuir para a sua potenciação socioeconómica, tendo por base o Património Literário de Ferreira de Castro sobre a sua terra e a exploraçao desta nas suas múltiplas abordagens: ambientes, paisagens, locais, monumentos, tradições, hábitos e costumes, numa extensão de 13km e 30 estações.

O percurso pedonal/ciclável tem cerca de 1645m de comprimento e estabelece uma ligação física entre os pontos de interesse cultural na vida do escritor.

 

 

Rota da Eco Aventura (Visitcucujães)

A Rota da Eco Aventura localiza-se na freguesia da Vila de Cucujães e através de matas e trilhos florestais, revive-se as atividades agrícolas, a moagem de cereais e a produção de vinhos. Para idades entre os 6 e 666 anos e de dificuldade média-fácil, percorre-se em cerca de 4 horas.

Esta rota foi desenvolvida por um "Projeto turístico que visa dinamizar Cucujães a nível do setor, dando-o a conhecer a visitantes, conterrâneos ou não. De forma sucinta, consiste na possibilidade de os participantes escolherem um percurso guiado entre três rotas turísticas diferentes que mostram o património histórico, arquitetónico e ambiental (...)". Este projeto denomina-se de Visitcucujães e a Rota da Eco Aventura é uma das duas rotas existentes.

 

 

Rota dos Esquecidos (Visitcucujães)

A Rota do Esquecidos localiza-se na freguesia da Vila de Cucujães e dá a conhecer o património arquitetónico e cultural da vila por caminhos romanos, trilhos medievais. Para idades entre os 6 e 666 anos e de dificuldade média, percorre-se em cerca de 5 horas.

Esta rota foi desenvolvida por um "Projeto turístico que visa dinamizar Cucujães a nível do setor, dando-o a conhecer a visitantes, conterrâneos ou não. De forma sucinta, consiste na possibilidade de os participantes escolherem um percurso guiado entre três rotas turísticas diferentes que mostram o património histórico, arquitetónico e ambiental (...)". Este projeto denomina-se de Visitcucujães e a Rota dos Esquecidos é uma das duas rotas existentes.

 

Lida 58 vezes

Autor

Ondas da Serra

Ondas da Serra® é um Orgão de Comunicação Social com distribuição da informação pela Internet, que visa promover a identidade regional e o turismo através da promoção da cultura, património, monumentos, museus, desporto, economia, gastronomia, ecologia e coletividades dos concelhos da região norte do distrito de Aveiro, Ovar, Santa Maria da Feira, Espinho, São João da Madeira, Oliveira de Azeméis, Vale de Cambra, Arouca e dos restantes municípios desta região.

Itens relacionados

O domínio da Natureza nos Passadiços do Paiva

Os 8 km dos Passadiços do Paiva levaram a equipa do Ondas da Serra por paisagens de beleza intocável e deixaram uma certeza: a aventura começa no primeiro degrau e é diferente para todos os exploradores. Localizados na margem esquerda de um dos rios mais cristalinos de Portugal, o rio Paiva, os caminhos de madeira serpenteiam por encostas, águas bravas e praias fluviais.

DRAVE - Yoga nas Ondas da Serra

No próximo dia 29 de outubro o Espaço Yoga e Ondas da Serra associam-se na realização do evento “Yoga nas Ondas da Serra”. Estes dois projetos têm em comum o gosto pela natureza e elevação do homem a patamares superiores da sua essência.

Trilho da floresta

A rede de ciclovias e ecopistas do concelho de Ovar possui cerca de 30 km de extensão e oferece várias paisagens em ambiente urbano e natural. A maior parte dos seus percursos oferecem segurança às pessoas que por ali caminham ou se deslocam de bicicleta. Apesar disso, nos últimos tempos, a segurança tem decrescido pois começaram a ser usadas por alguns incautos condutores de bicicletas elétricas e mobiletes.

Faça Login para postar comentários
Pub