Ondas da Serra

Ondas da Serra

Ondas da Serra® é um Orgão de Comunicação Social com distribuição da informação pela Internet, que visa promover a identidade regional e o turismo através da promoção da cultura, património, monumentos, museus, desporto, economia, gastronomia, ecologia e coletividades dos concelhos da região norte do distrito de Aveiro, Ovar, Santa Maria da Feira, Espinho, São João da Madeira, Oliveira de Azeméis, Vale de Cambra, Arouca e dos restantes municípios desta região.

URL do Sítio: http://ondasdaserra.pt
Pág. 1 de 110

As Piscinas Municipais da Mealhada recebem, já este fim de semana, o Torneio de Nadador Completo, uma prova que apura o campeão regional e, por sua vez, o campeão nacional.

Por iniciativa da Academia de Formação ATEC | Destinado a desempregados até aos 40 anos com 12.º ano de escolaridade

Estão a decorrer as inscrições para uma nova edição do Curso de Especialização Tecnológica (CET) em Tecnologias e Programação de Sistemas de Informação, que irá ter lugar na Sanjotec (Centro Empresarial e Tecnológico de S. João da Madeira), com início previsto para 4 de dezembro.

Lançamento dia 30 de novembro, na Biblioteca Municipal

“Paluí – Viagem por histórias sonoras que a língua portuguesa conta” é o título do livro que será lançado dia 30 de novembro, às 21h30, na Biblioteca Municipal de Santa Maria da Feira. A obra, da autoria de Helena Caspurro e Pedro Carvalho de Almeida, é uma viagem pelos textos de mais de 500 crianças de escolas do concelho feirense, que participaram no projeto “Se queres saber o que é o Paluí… põe o teu dedo aqui!”, iniciado em 2014.

Comemorações do Dia da Floresta Autóctone

Novembro é tradicionalmente a época ideal para plantar árvores de espécies autóctones, ou seja, originárias do nosso território e por isso mais adaptadas ao nosso clima e à biodiversidade. Mais de 300 crianças aceitaram o desafio da Câmara Municipal de Estarreja e vão plantar espécies nativas de forma a sensibilizar para a importância desta floresta em comemoração do Dia da Floresta Autóctone (23 de novembro).

Investigação do Departamento de Biologia da Universidade de Aveiro

Os esquilos estão definitivamente de volta ao território nacional. Depois de extintos durante centenas de anos até aos anos 80, altura em que, lentamente, foram atravessando a fronteira no Minho, nas últimas duas décadas a espécie expandiu-se até ao rio Tejo e está fora de perigo. As conclusões são do estudo realizado em Portugal sobre a distribuição do esquilo-vermelho, um trabalho do Departamento de Biologia (DBio) da Universidade de Aveiro (UA) que contou com uma preciosa ajuda: as centenas e centenas de cidadãos anónimos que nos últimos anos avisaram os investigadores sempre que viam o simpático animal.

O Município de Oliveira do Bairro vai associar-se, uma vez mais, ao Peditório Nacional de Pilhas e Baterias, a favor do Instituto Português de Oncologia (IPO), que vai decorrer até 31 de dezembro de 2017.

Pág. 1 de 110
Pub