Os nossos leitores devem estar recordados de termos contado a nossa aventura de bicicleta entre Castelo de Paiva e Alvarenga. A dada altura em Vila Viçosa – Espiunca - Arouca, no final duma subida, surgiu na curva uma pequena casa, com um bonito e colorido jardim à beira rua plantado. A pequena casa e terreno estavam totalmente submersos por todo o tipo de plantas, flores, vasos e onde as giestas eram rainhas. Como gostamos de fotografia e dos aromas que o ar adornava, paramos um pouco para contemplar a maravilha.

Um destes dias passeávamos nós em Rio de Frades - Arouca, depois de mais uma caminhada quando um cão nosso conhecido (Ler: Fuste – História de um cão), surgiu com cara de poucos amigos e deu-nos uns latidos intimidatorios. No entanto desta vez a história foi diferente, porque descobrimos a sua dona ali próximo apascentar umas cabras, numa ribeira confluente ao rio com o mesmo nome da terra.

Nos nossos caminhos pela Rota do Carteiro em Arouca, que liga Rio de Frades a Tebilhão, fomos encontrar uma casa que no meio das outras de pedra granítica, em tons pardos e montanhosos se destacava pela cor dos azulejos colocados que embelezavam as suas fachadas. Ficamos curiosos, batemos à porta na esperança de não sermos corridos à força e tivemos sorte, já que o proprietário interrompeu o seu almoço para nós falar. No interior da casa um fogão a lenha aquecia o lar, cá fora reinava o frio. As paredes estavam cobertas por retratos da sua vida e artefactos pitorescos.

No nosso projeto por vezes andamos na ria, outras nos mares, mas adoramos as montanhas. Por montes e vales, podemos pousar o olhar nas silhuetas curvilíneas e sensuais das paisagens serranas. O som é diferente e as pessoas talvez porque vivam mais isoladas, são mais calorosas. É por isto que Arouca nos atrai, mesmo depois dos incêndios terem delapidado parte da sua riqueza.  Mas nem tudo se perdeu, o melhor ainda lá está, as suas gentes, costumes, campos e animais.

Numa destas frias manhãs de outono deslocamo-nos ao lugar de Fuste, que pertence à freguesia de Moldes em Arouca. Chegamos ao local por uma estrada pequena em largura e condições. Os vales das serras ainda estavam cobertos pela neblina matinal, mas o sol prometia chegar por breves horas aos locais mais recônditos.

Pub