6 Fragmentos vezes 60 Fragmento 2 | Molas da roupa à chuva
sábado, 24 março 2018 12:33

6 Fragmentos vezes 60

Classifique este item
(0 votos)

Tratam-se de excertos de realidades, cada um construído sem a menor preocupação com o outro. Não querem saber se encaixam nas expectativas que os restantes fragmentos possam ter. Numa clara postura narcisística, adotam o seu discurso, as suas crenças e as suas opiniões. São seis fragmentos vezes 60 com a subtileza de mudanças que ocorrem em segundos e que tantas vezes não são vistas.

Fragmento 1

Capacete cor-de-rosa

 

Fragmento 2

Molas da roupa à chuva

 

Fragmento 3

Teias sem morador

 

Fragmento 4

Cadeira branca de plástico

 

Fragmento 5

Assador de sépias

 

Fragmento 6

Cedro sem nada para descobrir

 

Lida 390 vezes

Autor

Ricardo Grilo

Histórias capazes de entrar em contacto com as emoções de quem as lê justificam a minha paixão pelo jornalismo. Natural de Santa Maria da Feira, acredito no potencial de um concelho em ensaios para escrever a sua autobiografia. Aos 24 anos, e enquanto colaborar do ‘Ondas da Serra’, procuro a beleza em escrever sobre uma terra tão especial.

Itens relacionados

Vida de inseto | Rota dos três rios

Muitas vezes na vida andamos e não caminhamos, vemos e não observamos e ouvimos sem escutar. Gostamos das caminhadas na natureza porque elas nos oferecem a possibilidade se estivermos atentos de observar as pequenas vidas dos insetos, conhecer novas plantas ou ver pegadas de animais.

A Forja do Mestre Cuteleiro Toni Pinho

Das mãos feridas por cortes, nascem no templo do Mestre, à força da têmpera e bigorna, facas, espadas, catanas e navalhas, que só um cuteleiro sabe forjar. O Ondas foi conhecer em Ovar, um raro homem de sabedoria ancestral, de nome António Santiago, que do bruto metal, imbuído de crenças orientais, faz peças únicas que intimidam só pelo olhar.

Passadiços de Esmoriz - É tão bonito! Onde fica?

O chão de madeira serpenteia entre a maior zona lagunar do Norte de Portugal com o brilho que só a natureza pode proporcionar. Os passadiços da Barrinha de Esmoriz, no concelho de Ovar, são o passeio idílico para amantes de praia, natureza e emoções. É bonito por tudo o que oferece a quem o visita. Simples e poderoso.