Nas nossas voltas pelo distrito de Aveiro, fomos até Guisande em Santa Maria da Feira, onde descobrimos a sua bonita Igreja Paroquial em honra de São Mamede e Capela de Nossa Senhora da Boa Fortuna.

Um supermercado já não é apenas um espaço comercial que vende produtos de consumo corrente. Oferecer cultura local em azulejaria portuguesa enquanto vai às compras é reconhecer que a experiência de cliente do século XXI não termina nas caixas registadoras. Por isso é que o Intermarché de Ovar lhe conta a história da cidade num projeto assinado por Marcos Muge.

As fotografias deste moral representam uma parte importante da identidade vareira e a forma como os azulejos conferem à cidade de Ovar uma atmosfera especial, típica e bairrista, em contraste com os edifícios modernos, que podem ser muito funcionais e ter a sua beleza mas que não representam a alma de um povo.

Ovar é uma pequena cidade pertencente ao distrito de Aveiro, estando implantada no meio dos concelhos de Santa Maria da Feira, Espinho, Oliveira de Azeméis, Murtosa e Estarreja. Uma das suas principais caraterísticas é ser banhada pelo mar, ria e possuir ainda uma grande mancha florestal. Apesar da crise e das deslocalizações de muitas empresas este concelho consegui manter algumas embora não tenham o peso de outrora. As suas grandes bandeiras em termos turísticos são o carnaval, o pão-de-ló e recentemente a sua apresentação como "Ovar cidade museu do azulejo". O desporto rei na cidade é o basquetebol, tendo a equipa vareira já ganho vários títulos nacionais.