Pág. 1 de 5

Fazer (28)

Fazer

Ovar foi plantado entre o mar e a ria conferindo-lhe características únicas para a prática de desportos náuticos. Dotado de grande beleza natural nem sempre bem aproveitada e muitas vezes desmazelada possui ainda uma mancha verde com pinheiro mediterrâneo e um cordão dunar que fazem o que podem contra o avanço do mar, até quando é uma incógnita. Gente alegre que celebra como ninguém o seu Carnaval que dizem ser o melhor de Portugal sob o lema “Vitamina da Alegria”. Mas Ovar tem muitos outros tesouros à espera de serem descobertos por quem visitar esta terra vareira, que é um museu a céu aberto para os amantes da azulejaria.

No domingo dia 24 de março, o Ondas reuniu algumas pessoas da nossa comunidade no Parque Urbano de Ovar, para praticar Yoga. Estes encontros não têm mestres nem professores, apenas pessoas que querem praticar esta arte milenar.

No Domingo passado, pela manhã, aquecidos pelo Sol e gelados pelo vento, a comunidade Ondas da Serra encontrou-se no Parque Urbano de Ovar para praticar Yoga e partilhar experiências.

A Praia do Furadouro fica localizada no concelho de Ovar, distrito de Aveiro. É uma das praias mais conhecidas e frequentadas a região. O seu acesso mais importante é feito pela Rotunda do Carregal, onde está ancorado um barco moliceiro e dá acesso à majestosa Avenida do Emigrante, com as suas bonitas palmeiras.

O chão de madeira serpenteia entre a maior zona lagunar do Norte de Portugal com o brilho que só a natureza pode proporcionar. Os passadiços da Barrinha de Esmoriz, no concelho de Ovar, são o passeio idílico para amantes de praia, natureza e emoções. É bonito por tudo o que oferece a quem o visita. Simples e poderoso.

Um destes dias fomos pedalar por Válega e Avanca. Iniciamos o percurso pela Rua Ponte de Pedra, perto da linha do norte da CP e do viaduto da Avenida D. Maria II em Ovar. Pedalamos alguns quilómetros em direção a sul, pela Rua do Afreixo, por um caminho de terra batida, sempre com a linha pelo nosso lado direito. A dada altura perto do apeadeiro de Válega tivemos que passar para o outro lado da linha e continuamos a pedalar em direção a sul, mas agora com a linha pelo nosso lado esquerdo.

Estivemos na Rádio Voz de Esmoriz a falar sobre o Ondas da Serra. Desde a sua origem ao que nos move, partilhamos o segredo do nosso projeto e revelamos os sonhos por cumprir. Foi no dia 25 de junho, quarta-feira. Emanuel Bandeira, do programa Juízo de Bancada, recebeu-nos para contar a nossa história e foi uma conversa especial. Se ainda não teve oportunidade a ouvir, pode aproveitar agora para saber mais sobre a equipa, o projeto e a causa que o sustenta.

Pág. 1 de 5