1.ª Resistência BTT disputou-se em Anadia capital do espumante 1.ª Resistência BTT em Anadia

1.ª Resistência BTT disputou-se em Anadia capital do espumante

Classifique este item
(0 votos)

Mais de uma centena de ciclistas participou na 1.ª XCR Resistência BTT – Anadia Capital do Espumante (Urban e Rural – 3 horas,) promovida pela Associação Recreativa de Grada (ARG), em colaboração com a Câmara Municipal de Anadia. A prova decorreu no âmbito do programa da candidatura de Anadia a Cidade Europeia do Desporto 2020.

O mau tempo que se fez sentir não facilitou em nada a vida aos atletas, dado que os trilhos ficaram bastante pesados, tornando mais difícil o seu desempenho. Mas, apesar das condições adversas, foram muitos os “betetistas” que marcaram presença na prova, oriundos de vários pontos do país, nomeadamente do norte e do centro de Portugal.

O XCR é uma das vertentes do BTT, que junta a Resistência Urbana e a Rural. Neste percurso fechado na cidade de Anadia, com cerca de 5 km, e com partida e chegada junto ao Pavilhão Municipal de Anadia, os participantes tiveram de pedalar durante três horas, ganhando quem conseguiu dar mais voltas nesse período. A solo ou em equipas duplas, os atletas masculinos disputaram a prova nas categorias de Juniores, Elites, Veteranos A, B e C, enquanto as senhoras participaram em Feminino e Master Feminino. As equipas correram em duplas femininas, masculinas e mistas.

Aurélio Duarte, responsável da ARG e diretor da prova, fez um “balanço positivo” do evento, dizendo que “tudo correu bem - apenas o S. Pedro não ajudou muito”. Destacou ainda que o número de participantes também esteve dentro das previsões da organização. De referir que esta é a terceira prova de BTT que a associação de Grada organiza, tendo as duas primeiras sido dedicadas à vertente de XCM (maratona).

Todos os premiados receberam como troféu uma garrafa de espumante personalizada. Na sessão de entrega, a Câmara de Anadia esteve representada pelo vereador Lino Pintado, que deixou um agradecimento público à organização da prova, bem como a todos aqueles que a disputaram.

O evento contou com o apoio financeiro e logístico do Município de Anadia, da Freguesia de Vila Nova de Monsarros, da União das Freguesias de Arcos e Mogofores, e de algumas empresas do concelho.

 

 

RESULTADOS:

Duplas Masculinas:

1.º - Luís Paixão - Fábio Silva / Korpo Activo BTT - UDLorvan (12 voltas - 3h11m19s)

2.º - Carlos Metrogos - Pedro Santos / ADRC Partner Bike (11 voltas - 3h04m58s)

3.º - Fernando Melo - Pedro Torrão / Cães de Caça BTT (11 voltas - 3h08m52s)

 

Duplas Mistas

1.º Lúcio Espanhol - Sandra Rocha (11 voltas -  3h15m40s)

2.º Carla Bizarro - João Sequeira / Power Bike (10 voltas - 3h00m22s)

3.º Luís Tomé - Ana Messias / Korpo Activo BTT / UD Lorvan (10 voltas - 3h03m50s)

 

Juniores

1.º Marcelo Oliveira / Ride My Bike (10 voltas - 3h09m19s)

2.º Guilherme Almeida / Vilanovense (10 voltas - 3h10m57s)

3.º David Gomes / ADRCPA BTT S. Tiago (9 voltas - 3h13m51s)

 

Sub23 Elites

1.º João Mano / Pabol Peixe Ovar (12 voltas - 3h01m02s)

2.º Jonathan Doutor / Trepanelas (12 voltas - 3h06m05s)

3.º Tiago Correira / Arada Atlético Clube (12 voltas - 3h07m07s)

 

Masters 30

1.º João Bizarro / Blackbulls Clube Condeixa (12 voltas - 3h07m21s)

2.º Paulo Duarte / Aroubike (12 voltas - 3h13m57s)

3.º Bruno Batista / Clube BTT Águeda (11 voltas - 3h01m57s)

 

Masters 35

1.º Carlitos Ramos / ACCM BTTeam (13 voltas - 3h16m13s)

2.º Luís Gomes (12 voltas - 3h04m21s)

3.º Eleutério Mota / Trepanelas (12 voltas - 3h06m07s)

 

Masters 40

1.º Jorge Santos / Barcouço Bike Team TPP (13 voltas - 3h16m10s)

2.º Alexandre Casimiro / Korpo Activo BTT UDLorvan (12 voltas - 3h09m57s)

3.º Pedro Figueira / Barcouço Bike Team (11 voltas - 3h09m10s)

 

Masters 45

1.º Jorge Ribeiro / Mouquim Afacycles (11 voltas - 3h01m55s)

2.º Rui Doutor / Trepanelas (11 voltas - 3h08m12s)

3.º Pedro Santo / SRAM Factory Team (10 voltas - 2h55m21s)

 

Masters 50

1.º Fausto Martins / Korpo Activo BT UDLOrvan (10 voltas - 3h10m31s)

2.º Carlos Borges (10 voltas - 3h20m48s)

3.º João Silva / Blackbulls (9 voltas - 2h59m45s)

 

Masters 55

1.º Celso Fernandes (11 voltas - 3h12m04s)

2.º Manuel Monteiro / Amigos do BTT Terras de Algodres (9 voltas - 3h09m52s)

3.º António Girão (9 voltas - 3h18m19s)

 

Lida 83 vezes

Autor

Ondas da Serra

Ondas da Serra® é um Orgão de Comunicação Social com distribuição da informação pela Internet, que visa promover a identidade regional e o turismo através da promoção da cultura, património, monumentos, museus, desporto, economia, gastronomia, ecologia e coletividades dos concelhos da região norte do distrito de Aveiro, Ovar, Santa Maria da Feira, Espinho, São João da Madeira, Oliveira de Azeméis, Vale de Cambra, Arouca e dos restantes municípios desta região.

Itens relacionados

Cais do Bico na Murtosa

O Cais do Bico fica localizado no Lugar do Bico, no concelho da Murtosa. Este pedaço de terra junto à Ria de Aveiro é dotado de uma grande beleza natural, calma e tranquilidade. O espaço que se abre para as águas oferece um amplo parque de merendas relvado, com algum arvoredo, e mesas onde poderá fazer piqueniques com a família ou amigos. No dia da nossa visita alguns grupos de amigos defrontavam-se no jogo da malha. No verão, os domingos por estes lados são muito animados e as mesas muito disputadas.

É tão bonito! Onde fica?

O chão de madeira serpenteia entre a maior zona lagunar do Norte de Portugal com o brilho que só a natureza pode proporcionar. Os passadiços da Barrinha de Esmoriz, no concelho de Ovar, são o passeio idílico para amantes de praia, natureza e emoções. É bonito por tudo o que oferece a quem o visita. Simples e poderoso.

Percursos pedestres/bicicleta em Aveiro

O nosso magnifico distrito possui dezenas de trilhos onde podemos observar a natureza, pássaros, insetos, flores, árvores e escutar um silêncio que dificilmente encontramos no meio urbano. Por vezes durante as caminhadas poderá cruzar-se com os habitantes desses locais, lembrem-se que um cumprimento e um sorriso não custam nada e fazem muito bem. Nós temos falado com pastores, pescadores, idosos e feirantes que sempre nós ensinam algo e nos relembram de outros tempos em que a sociedade estava mais unida.

Faça Login para postar comentários
Pub