Pág. 3 de 6

Ondas da Serra pontualmente efetua alguns eventos onde pretendemos envolver a nossa comunidade. Nós achamos ser nosso dever partilhar os nossos conhecimentos, sobre yoga, meditação, amor que temos pela humanidade, património natural e arquitetónico, animais e tradições. Defendemos um mundo melhor, onde as pessoas vivam em harmonia consigo próprias e com o universo, sem semearem a discórdia. Já fomos andar de bicicleta, de bateira na Ria de Aveiro, de barco no Rio Douro, subimos serras, mergulhamos em lagoas, fizemos yoga e meditação e partilhamos almoços em locais fantásticos. Aqui ficam alguns dos nossos momentos, não perca a oportunidade de viajar connosco.

Numa das nossas incursões de bicicleta por Estarreja, ao passar na Rua Dionísio de Mouro, uma casa chamou-nos atenção. No largo um edifício tinha a fachada coberta por fotografias a preto e branco, podemos vislumbrar por uma porta aberta, o ambiente no interior e ali funcionava uma mercearia tradicional. Pegamos logo na máquina para captar umas fotos do e afastamo-nos um pouco, ao que uma senhora logo exclamou, “O homem pode entrar que ninguém lhe faz mal”.

As Invasões Francesas em 1809 deixaram uma marca vincada na história do povo de Arrifana, concelho de Santa Maria da Feira. Há quem diga que tal sofrimento provocou um síndrome de bairrismo invulgar na população.

1.165 freguesias foram extintas do mapa autárquico português na transição de 2012 para 2013. Espargo foi uma das freguesias agregadas. Seis anos depois, é o último nome da nova realidade territorial de uma união de freguesias a quatro em pleno coração do concelho de Santa Maria da Feira.  Mas freguesia agregada será freguesia extinta?

A nossa equipa foi conhecer a aldeia de Maceira de Alcôba, pertencente ao concelho de Águeda. Ficamos maravilhados com a sua riqueza a nível natural, arquitetónico, tradicional e religioso. São poucos os adjetivos que poderíamos empregar para descrever o que se pode fazer e visitar. Apesar destas dificuldades selecionamos algumas das suas potencialidades que encontramos quando fomos caminhar pela PR4 – Trilho das Terras de Granito.

O trilho da ponte de ferro começa e acaba em Travassô – Águeda, devendo o seu nome à ponte ferroviária sobre os Rio Velho e Águeda, por onde ainda passa o “Vouguinha”, na linha que liga Aveiro a Sernada do Vouga. Este percurso pode ser feito a caminhar ou de bicicleta.

Pág. 3 de 6