Pág. 2 de 2

As Marchas de S. João da Ribeira de Ovar vão receber, este sábado, 24 de junho, a participação especial da Marcha da Madragoa de Lisboa, que alcançou o 3ª lugar na 85º edição das Marchas Populares de Lisboa.

Suas Altezas, o Rei "Maratonista" e a Rainha "Peixeirinha Tesa", receberam, na tarde de 19 de fevereiro, as chaves da cidade das mãos de Salvador Malheiro, presidente da Câmara Municipal de Ovar [na foto, radiantes com a "passagem de testemunho"].

Neste domingo, dia 12 de fevereiro, o Rei e a Rainha do Carnaval de Ovar não deram, como o sol deu, um ar da sua graça, para desilusão dos foliões e forasteiros que nos visitam nesta época do ano.

O Carnaval de Ovar atrai todos os anos milhares de forasteiros a terras vareiras. Este evento saiu para a rua, de forma organizada, em 1952. Venha conhecer a Capital da Folia!

As capelas dos Passos de Ovar, consideradas desde 1946 Imóveis de Interesse Público, constituem um conjunto de sete capelas de estilo rococó que datam do século XVIII e que representam um registo arquitetónico e artístico único de Portugal.O percurso, que simboliza a Paixão de Cristo, começa na Igreja Matriz e passa por cinco capelas na zona histórica da cidade, terminando na capela do Calvário.

Realizou-se no passado dia 06 Janeiro 2017 em Ovar mais uma noite de Reis, as 11 troupes aqueceram a noite gélida com as suas vozes e foram visitando vários redutos da cidade vareira onde os esperava gente calorosa e respeitadora das tradições.

Pág. 2 de 2