terça, 10 janeiro 2017 09:02

Ovar cumpriu a tradição em mais uma noite de Reis 2017

Classifique este item
(1 Vote)

Realizou-se no passado dia 06 Janeiro 2017 em Ovar mais uma noite de Reis, as 11 troupes aqueceram a noite gélida com as suas vozes e foram visitando vários redutos da cidade vareira onde os esperava gente calorosa e respeitadora das tradições.

Ovar cumpriu a tradição em mais uma noite de Reis 2017 Ramos da Costa

Num dos locais tradicionais onde as troupes cantam as suas melodias “Café Avenida”, teve outro espetáculo em paralelo protagonizado pelo funcionário Jerónimo, Brasileiro do Recife, com 63 anos de idade, que já trabalha nessa casa há 27. O mesmo alegrou todos com a sua boa disposição, pantomimas e danças expressivas. Pensamos que os grupos não se importaram dele por vezes lhe roubar o protagonismo. Mas como ele próprio afirmou “Os patrões vão e já foram cinco e eu fico”.

O Festovar 2016, Festival de Teatro de Ovar, realizado pela Contacto - Companhia de Teatro Água Corrente de Ovar, teve como tema principal o “Cantar os Reis”, o encenador Ramos da Costa esteve na plateia.

 

1 Troupe de Reis – Casa da Amizade, do Rotary Clube de Ovar

Cantaram:

Saudação – Figurino Reiseiro
Mensagem – Pontos de Mulher (Fado)
Agradecimento – Sois Boa Gente

Letra: Maria Luísa Resende
Música: António Rêdes Cruz
Direção Musical: Ascendino Silva e Filipe Moço

“A Casa da Amizade tem como lema, estar atenta a tudo o que a rodeia. É como este cantor dos Reis que tentamos levar a cabo um conjunto de ações tais como:

  • Patrocínio de Bolsa de Estudo;
  • Pagamento de mensalidade a uma criança carenciada, utente do Centro de Promoção Social do Furadouro;
  • Distribuição de cabazes de Páscoa;
  • Auxílio, em géneros, a famílias carenciadas;
  • Colaboração com diversas instituições de cariz cultural e humanitária.”*

*Casa da Amizade

2 Troupe de Reis – Bombeiros Voluntários de Ovar

Saudação – Passa Trupe (passa calles)
Mensagem – Famílias Soltas (serenata)
Agradecimento – Oláre (samba canção)

Letra: Dr. Luís Pedro Silva
Música: Dr. Luís Pedro Silva e Maestro Luís Sá
Ensaiador: Maestro Luís Sá

3 Troupe de Reis – Tradição e Juventude

Saudação – Letra de Miguel Mendes. Composição de Pedro Peralta.
Mensagem – Letra de Pedro Peralta. Composição de Pedro Peralta. Solista Miguel Mendes.
Agradecimento – Letra de Miguel Mendes. Composição de Pedro Peralta.

4 Troupe de Reis - Associação dos Antigos Alunos da Escola Oliveira Lopes – Válega

Saudação – A Virgem sem abrigo
Mensagem – O coro dos Anjos
Agradecimento – Lançar Raízes

Letras e músicas – Honório Resende
Direção musical – Lígia Martins
Transcrições musicais – Joel Reis

5 Troupe de Reis - Sociedade Musical Boa União

Saudação – Noite Maior
Mensagem – Gestos de Generosidade
Agradecimento – Um ano “Awesome”, “À Patrão”!

Autoria das letras, músicas e arranjos musicais – Lúcia Almeida

6 Troupe de Reis – Associação Cultural e Recreativa de Sande, Salgueiral e Cimo de Vila e Grupo Folclórico da Região de Ovar

Saudação
Mensagem
Agradecimento

Orientação artística: Carlos Marques
Arranjos musicais: Ana Silva, Carlos Marques e Pedro Santos
Letras: Carlos Marques

7 Troupe de Reis – Fogueteiros de Arada

Saudação
Mensagem
Agradecimento

Letras & Músicas – Mix Costa

8 Troupe de Reis – Ovarense

Saudação – Noite de Alegria
Mensagem – Canção do Sr. Não
Agradecimento – Reis em Ovar

Autores – Lisete Fraga e Pedro Martins
Sulistas – Armando Oliveira, Artur Aguiar Álvaro e Dinis Amaral
Musica e Orquestração – Pedro Martins

9 Troupe de Reis – Ribeira

Saudação – Desta terra singular, solista Lúcia Areias
Mensagem – Vives o Natal, solista Catarina Ferreira
Agradecimento – Ir de Frosques, solista António Pinto

Letras – Maria Luísa Resende
Arranjos – Paulo Silva e Emanuel Mariano
Direção Musical – Paulo Silva
Música 1º número – Paulo Silva e Emanuel Mariano
Música 2º número – Emanuel Mariano e Catarina Ferreira
Música do 3 número – Rafael Fonseca

10 Troupe de Reis – Joc-Loc

Saudação – A mais antiga história de Ovar
Mensagem – Uma fulgente aurora
Agradecimento – Boas novas pr’a brinca

Músicas – António Covas
Letras – Padre Manuel Pires Bastos

11 Troupe de Reis – Orfeão de Ovar

Saudação – Louvor à Terra em Natal, solista Tiago Campos Ferreira
Mensagem – Aos Reis da Vitoria, solista Rui Jorge Oliveira
Agradecimento – Bora Lá a Todos, solista Américo M. R. Oliveira

Poemas – Maria Luísa Resende
Músicas – António M. Redes Cruz
Direção Musical – José Muge

Galeria de fotos

Lida 275 vezes

Autor

Ondas da Serra

Ondas da Serra® é um Orgão de Comunicação Social periódico, distribuído electronicamente, que visa através da inserção de notícias, promover a identidade regional, o turismo, e a divulgação/defesa do património natural, arquitectónico, pessoas, animais e tradições, dos concelhos da região norte do distrito de Aveiro, nomeadamente: Ovar, Santa Maria da Feira, Espinho, São João da Madeira, Oliveira de Azeméis, Vale de Cambra e Arouca e do forma mais geral dos restantes municípios do distrito.

Itens relacionados

Museu Escolar Oliveira Lopes - A preservação do respeito pelo ensino

A história dos irmãos Oliveira Lopes de Válega que construíram uma escola

Esta é a história de dois irmãos do Cadaval – Válega que no começo do século XX, resolveram combater a expensas próprias o analfabetismo e mandaram erigir uma escola na sua terra que marcou tantos homens e mulheres e que comprova a importância do saber para elevar o ser humano. Naquele tempo não havia ensino obrigatório e universal, existiam poucas escolas, mestres e os alunos andavam desnutridos, mal vestidos e calçados.

Na sessão camarária de 29 de Janeiro de 1908 foi presente um ofício do subinspector escolar José de Castro Sequeira Vidal comunicando que José de Oliveira Lopes e seu irmão Manuel José de Oliveira Lopes, do lugar do Cadaval, da freguesia de Válega, ofereciam-se para custear todas as despesas com a construção dum edifício para as escolas oficiais e habitação dos respetivos professores dessa freguesia, pelo que pedia a cedência gratuita do terreno necessário para aquele construção que, concluída, seria oferecida ao Estado pelos citados beneméritos.” Lamy, A. (1977). Monografia de Ovar - volume 2 (1st ed., p. 376). Ovar [Portugal].

Paraduça e suas gentes

O Ondas viajou até Paraduça – Vale de Cambra, onde conhecemos alguma das suas gentes e moinhos de rodízio. Nesta aventura tivemos como guia o PR6 – Rota dos Moinhos, que está muito bem assinalado e aconselhamos vivamente. O tempo não esteve famoso, a chuva miudinha não parou de cair, o ambiente estava enevoado e esperamos em vão que o céu mostrasse o seu sorriso.

Os mais bonitos e interessantes museus da região Aveiro

Ondas da Serra apresenta neste artigo uma seleção de museus que pode visitar, onde poderá apreender sobre história, património, história da cortiça, chapelaria, música, rádio, espécies de peixes, azulejos, casas antigas, ferramentas agrícolas ou como se fabricava o papel.